Festas Huelva | Romarias típicas de Huelva

Alojamento

Destinohttps://huelva.costasur.com/pt/index.html

Destino

Temos o guia mais detalhado do teu destino, pelo que se procuras informação, encontraste a melhor fonte...

Autocarroshttps://huelva.costasur.com/pt/horarios-dos-autocarros.html

Autocarros

NO HAY RESULTADOS
NO HAY RESULTADOS

Carroshttps://huelva.costasur.com/pt/alugar-carro-rent-a-car.html

Carros

Desmistificando: alugar um carro não é caro. Decobre o preço a que pode sair durante as tuas férias com a Costasur.

Alugar

Comboioshttp://trenes.rumbo.es/msr/route/searching.do

Comboios

NO HAY RESULTADOS
NO HAY RESULTADOS

Vooshttp://vuelos.rumbo.es/vg1/searching.do

Voos

NO HAY RESULTADOS
NO HAY RESULTADOS

Paque de estacionamentohttps://huelva.costasur.com/pt/estacionamento.html

Paque de estacionamento

Precisas de deixar o teu carro nalgum aeroporto?. A Costasur tem a melhor oferta do mercado, a preços sem concorrência.

Procurar Aeroporto

Ferryhttps://huelva.costasur.com/pt/ferry-huelva.html

Ferry

Procuras um ferry? Ao passar o barco digo ao barqueiro, na Costasur quase não custa dinheiro... Não procures mais, aquí temos quase todos.

Vamos pirata!

https://huelva.costasur.com/pt/as-actividades-recreativas.html

Propomos-te opções para evitar o tédio, usa o nosso motor de busca de atividades e faz algo diferente nas tuas férias!

Procurar atividades

Festas

Festas em Huelva e toda a Andaluzia, se procuras uma oportunidade para assistir a uma feira ou festa Espanhola, Huelva pode ser uma boa opção. As gentes de Huelva têm uma personalidade muito alegre e tentam ser felizes no seu dia a dia, como se fosse o ultimo.

Informação de interesse sobre as festas de Huelva.

Desde o inicio do ano até ao final, deixamos-nos arrastar pela festa e esquecemos por momentos as más experiências e dias menos bons que infelizmente também temos.

No dia 1 de Janeiro, celebra-se a entrada do ano novo junto à família e amigos. Este é o primeiro feriado do ano, e que podemos aproveitar para reflectir e pensar nos nosso obectivos para o ano que vem, já que as ruas estão praticamente vazias.

O dia 5 de Janeiro, exactamente o contrário, na véspera do dia dos Reis Magos é muito importante em Espanha, as ruas enchem-se de gente vendo este corso de Reis Magos em que as carroças que passam vão distribuindo e atirando rebuçados que se oferecem a crianças e adultos, logo é deitar cedo para passar o dia seguinte a abrir os presentes e depois estrear os novos brinquedos na rua espalhando alegria.

No dia 20 de Janeiro, é a festa do Padroeiro de Huelva, San Sebastián. Esta festa era celebrada com mais intensidade antigamente, com postos de "palmitos" e a procissão pelas ruas. Este Santo San Sebastián foi escolhido pelo povo, entre 2 santos candidatos, ficando San Roque como "vice padroeiro". Porque neste dia quase sempre chove, e desde há muitos anos se costumava dizer a expressão espanhola "San Sebastian saca a las mocitas a pasear y luego se mea en el delantal" - São Sebastião leva as meninas a passear e logo faz chichi no avental.

Em Fevereiro e desde 1863 celebra-se o Carnaval na nossa cidade e em 1936 o ditador General Franco proibiu esta festa. Desde 1983, quando a cidade pediu de novo para voltar a celebrar a festa, o Carnaval recuperou a sua fama, onde agora organizam um concurso de grupos e associações aqui chamadas de mugas e comparsas no Gran Teatro, um desfile de carros alegóricos e pessoas mascaradas que termina na quarta-feira de cinzas com o famoso Enterro "Choco", quando todos nos mascaramos de viúvas e choramos enquanto queimam um choco gigante. Um dos Carnavais mais famosos da província de Huelva é o da Isla Cristina.

Em Abril, Águas Mil ( como o ditato português) e a semana da Páscoa que deixa um aroma a incenso e um doce sabor aos bolos e doces característicos desta altura, bandas de música e os "nazarenos" com as velas chamadas sírios acesas e os "costaleros" que são os homens que carregam a ombros a plataforma chamada "paso" que leva a imagem que representa uma das passagens da Paixão de Cristo. Na Quinta Feira e Sexta Feira Santa os fieis não podem comer carne. Esta bonita semana termina no Domingo de Ressurreição. Como curiosidade, uma Quarta Feira Santa no ano 1953, a Virgem da Victoria começou a arder ao cair uma vela sobre a sua saia, e no ano seguinte continuou a sair em procissão restaurada graças ao senhor António León Ortega.

O Corpus Christi, é celebrado 60 dias depois do Domingo de Ressurreição. Existe uma frase para esse dia: "Hay 3 jueves en el año que relucen más que el sol, Corpus Christie, Jueves Santo y el día de Ascensión" que traduzindo é: "Existem 3 Quinta-feiras do ano que brilham mais que o Sol, o Corpus Christi, Quinta-feira Santa e o dia da Ascenção.

Em Maio, celebram-se as Cruzes de Maio (Cruces de Mayo). As praças s~åo decoradas com luzes e flores, as Sevilhanas ( Baile tradicional da região) ouvem-se, cantam-se e também se dançam nas casinhas da feira de cada bairro da terra, onde comem as primeiras favas da região "Habas Enzapatás" e também os primeiros caracóis.

O Rocío, além de ser um lugar idílico é também onde se celebra a romaria mais importante da Europa. Confrarias de vários países concentram-se nesta pequena aldeia durante uma semana, o numero de visitantes passa o milhão de pessoas. Onde se mistura a fé e a festa, que se vive nestas casas que são dos visitantes ou também podem ser alugadas pelos seguidores. Para os "romeros" como se chamam aos participantes desta festa, os dias mais bonitos desta festa são os dias em que se faz a procissão até chegar à aldeia e a Segunda Feira de Pentecostés quando as pessoas de Almonte saltam a cerca "Reja" com a imagem aos ombros. E passeiam a virgem de El Rocío conhecida pela "Reina de las Marismas" até ao meio dia.

No dia 13 de Agosto, celebra-se a partida de Cristóvão Colombo até ao Novo Mundo, estas são chamadas as Festas Colombinas. No recinto Colombino, as diversões da feira conhecidos por "cacharritos", as casas , postos onde se pode comer e tomar um copo enquanto dançamos, e assistir a concertos que durante uma semana inteira, podemos divertir-nos com alegria por toda a cidade. Esta festa termina com os fogos de artifício na Ria.

Em Setembro, no dia da Padroeira de Huelva e protectora dos marinheiros, festejam na zona da Ermita, onde colocam postos, diversões e um palco para os concertos. Uma semana antes baixam a virgem até à Catedral da Merced para adora-la até ao dia 8 em que realizam a procissão para trazer a imagem de novo até à Ermita terminando com a celebração.

E por fim, em Dezembro, celebramos o Natal e o Ano Novo com a família e amigos cantando e bailando em casa.

Vem conhecer Huelva. Normalmente, as gentes daqui são muito afáveis, assim que numa destas festas em Huelva poderás sentir-te como em Casa.

Ofertas

Outros sítios e alternativas Costasur

Outras páginas deste destino