Geografia de Huelva, o seu legado na Andaluzia


Alojamento

Destinohttps://huelva.costasur.com/pt/index.html

Destino

Temos o guia mais detalhado do teu destino, pelo que se procuras informação, encontraste a melhor fonte...

Autocarroshttps://huelva.costasur.com/pt/horarios-dos-autocarros.html

Autocarros

NO HAY RESULTADOS
NO HAY RESULTADOS

Carroshttps://huelva.costasur.com/pt/alugar-carro-rent-a-car.html

Carros

Desmistificando: alugar um carro não é caro. Decobre o preço a que pode sair durante as tuas férias com a Costasur.

Alugar

Comboioshttp://trenes.rumbo.es/msr/route/searching.do

Comboios

NO HAY RESULTADOS
NO HAY RESULTADOS

Vooshttp://vuelos.rumbo.es/vg1/searching.do

Voos

NO HAY RESULTADOS
NO HAY RESULTADOS

Paque de estacionamentohttps://huelva.costasur.com/pt/estacionamento.html

Paque de estacionamento

Precisas de deixar o teu carro nalgum aeroporto?. A Costasur tem a melhor oferta do mercado, a preços sem concorrência.

Procurar Aeroporto

Ferryhttps://huelva.costasur.com/pt/ferry-huelva.html

Ferry

Procuras um ferry? Ao passar o barco digo ao barqueiro, na Costasur quase não custa dinheiro... Não procures mais, aquí temos quase todos.

Vamos pirata!

https://huelva.costasur.com/pt/as-actividades-recreativas.html

Propomos-te opções para evitar o tédio, usa o nosso motor de busca de atividades e faz algo diferente nas tuas férias!

Procurar atividades

O legado de Huelva. Fronteira com Badajoz a norte, a Este com Sevilha e Cádiz, ao Sul com o Oceano Atlântico e a Oeste com Portugal. ( Se dissermos isto a cantar faz-me lembrar os tempos de escola de antigamente )

A geografia de Huelva.

A cidade de Huelva tem uma topografia variada. Entre a grande planície de barragens e estuários deixados pelos rios Odiel e Tinto, e a Ribeira Nicoba, tornando a capital numa península, são os pontos mais importantes da sua geografia, Los Cabezos.
Com o tempo, o homem foi construindo tendo em conta todos estes fatores.

Olhando para Oeste, notamos um desnível de terreno que se vai perdendo conforme vamos chegando até ao rio Odiel, quer dizer em direção a Sudoeste, fazendo-se notar mais no sul da cidade, delimitada pela circunvalação da via rápida H30.

Se fizéssemos um estudo sobre a evolução da orogenia de Huelva, devíamos ter em conta a passagem de cada civilização nestas terras, como, sem dúvida, deixou uma marca inegável.
Graças aos Los Cabezos, no tempo dos romanos, como evidenciado por achados arqueológicos, puderam fornecer água para vários assentamentos aproveitando o desnível. Infra-estruturas construída, como uma espécie de aquedutos subterrâneos, que foram destinados à contrataçãoe distribuição de água para zona baixa, onde as hortas se situavam, para o uso da água.

Na atualidade, o abastecimento de água a Huelva é feito maioritariamente através da Barragem de Chanza. A água chega a Aguas de Huelva que se encontra num dos montes principais da cidade o Cabezo del Conquero e ali é depurada e distribuida.

Definitivamente, os montes viram-se envolvidos nuns afazeres contínuos das várias civilizações que passaram por aqui. Chegaram a modificar as suas inclinações, e hoje em dia a deterioração não se deve apenas à construção de casas mas também foram escavando para evitar desprendimentos sobre casas, carros e também pessoas, como aconteceu com o Cabezo de San Pedro que ao colapsar parte da terra causou 14 vítimas. E noutros casos para a secagem da zona das marismas. Para adaptar tudo isto foram usadas técnicas um pouco destrutivas como no caso do Cabezo de la Esperanza, ou de San Sebastián. Fizeram uns muros para aguentar o desprendimento de terras como no caso do Cabezo do Parque Moret, reduziram a inclinação e até coloram muro de betão armado no Cabezo de Mondaca.

Mas os cidadãos de Huelva, junto com a Câmara Municipal estamos bastante consciencializados do valor destas terras e da sua geografia. é o único património deixado de pé depois das várias desgraças que afectaram Huelva, entre eles o Terramoto de 1755 de Lisboa.

Por isso Huelva não tem grandes monumentos, por isso devemos lutar para preservar estes monumentos naturais.

O Cabezo da praça de Touros, o Cabezo do antigo hospital da Compañía de Riotinto e do Bairro da Rainha Victoria, o Cabezo da Joya, com a necrópole romana, o Cabezo de la Esperanza, o cabezo del Molino de Viento, o cabezo de San Sebastián e o cabezo do Pino. São apenas alguns elementos da cultura e monumentos da geografia de Huelva.

Ofertas

Filtrar as ofertas

Outros sítios e alternativas Costasur

Outras páginas deste destino
Etiquetas